Prefeitura intensifica ações de recuperação da Escola Prof. Elmar da Silva Costa para retomada das aulas

Desde o temporal que, no final do ano passado, causou diversos danos e prejuízos a estrutura da Escola Prof. Elmar da Silva Costa, a Prefeitura não tem medido esforços para recuperar os estragos causados no prédio, com o objetivo de assegurar que o cronograma previsto para a volta as aulas seja cumprido.

A primeira medida tomada pelo Executivo foi decretar situação de emergência nas áreas afetadas pelo vendaval. Logo, a Prefeitura aguardou cerca de dois meses para que o Governo do Estado homologasse o decreto. Após, a Prefeitura realizou o processo de seleção pública para a contratação da empresa responsável pela obra.

Com a assinatura do contrato para recuperação do telhado, que foi totalmente danificado e perdido pela ação dos fortes ventos e chuvas, a Prefeitura deu início a fiscalização do trabalho realizado pela empresa que venceu o processo.

Neste período, o cronograma de serviços ficou comprometido pelos mais de 18 dias de chuvas intensas, incluindo os feriados de final de ano, que causaram atrasos na recuperação do prédio.

Compreendendo que a situação poderia causar insegurança na comunidade, pois visivelmente a obra não correspondia ao programado, a Prefeitura intensificou o acompanhamento dos trabalhos.

Atualmente, conforme determinado pelo prefeito Mauro Nolasco, representantes do governo municipal concentram-se em uma força tarefa que reúne, principalmente, servidores das Secretarias de Obras, Urbanismo e Meio Ambiente, de Agricultura, Indústria e Comércio, também do Departamento de Finanças e de Compras.

Outra iniciativa do Executivo para acelerar a recuperação do prédio são os mutirões voluntários, nos quais colaboradores do Governo, no horário inverso ao expediente, contribuem com a limpeza das salas, móveis etc.

Segundo o Secretário Interino de Educação, Cultura e Desporto, Jerri Madruga, atualmente 50% da obra está executada, no que diz respeito ao madeiramento e telhado. Já a parte elétrica conta com 75% da meta atingida.

Para o prefeito, “a mobilização e foco da gestão nesse momento está concentrada em garantir o retorno dos alunos da Escola Elmar, como previsto, no dia 25 de fevereiro. Estamos empenhados e não pouparemos esforços para que os estudantes sejam devidamente acolhidos e recebidos em condições adequadas para o início do ano letivo”.