fbpx

Chuva causa menos traumas à população

As chuvas intensas que caem sobre Capão do Leão desde a terça-feira(24) mantém a administração municipal em alerta, mas sem registros traumáticos à população, como invasão de águas em residências, por exemplo. As águas acumuladas até o momento não assustam tanto como antigamente, graças aos serviços preventivos de limpeza, desobstrução de valetas e novas canalizações com vistas a necessários escoamentos.

A equipe da Administração do Bairro Jardim América, apesar de reduzida em função do afastamento de servidores que aguardam resultados de exames para a Covid-19, não parou e segue monitorando situações que podem potencializar alagamentos. Mas não há registros de alagamentos pontuais, em residências.

Os 26 pontos críticos existentes no bairro, foram atacados após traumas registrados no mês de janeiro. Ou seja, vários problemas não mais existem em função das ações preventivas ajustadas pelos administradores. O administrador, Elocir Swensson, e sua equipe seguem em alerta em atividades corretivas aos problemas causados pela chuva.

No Parque Fragata, na manhã desta quarta-feira (25) os registros indicavam apenas problemas na locomoção pública, mas sem invasões de residências pela água.

Até esta quarta-feira pela manhã, a Defesa Civil não havia recebido nenhum chamamento para socorro a casos graves causados pela chuva no município.

A DEFESA CIVIL atende pelo telefone (53) 99167-9641.