ÁGUA – Prefeitura reúne-se com a CORSAN

Em reunião agendada pelo deputado estadual, Fernando Marroni, e Federal, Dionílso Marcon, o prefeito Mauro Nolasco reiterou as reivindicações do governo municipal, junto a CORSAN, na busca de apoio e parceria para solucionar os graves problemas de falta d’água no Município.

Na pauta o prefeito tratou de questões relevantes para a comunidade, tais como o funcionamento da Estação de Tratamento de Água (ETA) São Gonçalo e, especialmente sobre a rede de água nos assentamentos da Palma e da Embrapa.

Sobre o abastecimento de água nos assentamentos, ao lado do Secretário de Agricultura, Indústria e Comércio, Claudionor de Almeida, e dos representantes dos assentados da Palma, Ricardo da Rosa e Maraísa Talaska, e do assentamento 24 de Novembro, Paulo Dalchiavon, que também é conselheiro do COMDER, o prefeito buscou apoio e parceria para a construção da rede de distribuição, visto que há 27 anos o assentamento aguarda as instalações para ter acesso a água potável.

No caso da ETA São Gonçalo, o assessor da Diretoria de Expansão, Jonas Borba, informou que a expectativa é de que em 60 dias a captação de água seja realizada. Prazo que confirma a declaração da CORSAN durante reunião agendada pelo Gabinete do Dep. Zé Nunes, realizada semana passada, com a presença do assessor Zelmute Oliveira e do prefeito.

Segundo Mauro Nolasco, “contamos com apoio e empenho para que tão logo seja possível a Estação esteja em funcionamento. Pois assim, serão beneficiadas e atendidas diretamente mais de 17 mil pessoas, somando a população do bairro Jardim América e Parque Fragata.”

Ainda durante a reunião, realizada na tarde de segunda-feira (17), na sede da CORSAN em Porto Alegre, com o apoio e a presença também da assessoria do dep. Edegar Pretto, o prefeito protocolou um pedido de providências em relação a constante falta d’água no Parque Fragata, bairro onde residem aproximadamente 3 mil pessoas.