Prefeitura aguarda a aprovação da Câmara para contratar os profissionais e atender aos empreendedores e à comunidade

Acumulam-se os pedidos de alvarás e licenças ambientais para que empreendimentos estejam devidamente liberados para instalação ou ampliação de atividades no Município.

O motivo é que a Prefeitura aguarda a aprovação da Câmara para contratar os profissionais e poder então atender aos empreendedores e à comunidade.

O Projeto foi enviado há meses e ainda não foi aprovado, prejudicando a todos.

Apenas na sexta-feira foram dois os exemplos. No encontro com o prefeito a coordenadora do Restaurante Universitário (RU) da UFPel, Tânia Sigales, manifestou preocupação pois aguarda o licenciamento para manter o funcionamento do restaurante, que gera mais de 50 empregos, servindo mais de 2 mil almoços por dia.

Também no final da semana o prefeito recebeu o responsável pelas obras do Posto Leão, Cléber, que aguarda o “habite-se”, documento que atesta a liberação da obra concluída.